Home Sem categoria Isabel Furini – Silvana Mello, o Parnaso e o florescer da poesia

Isabel Furini – Silvana Mello, o Parnaso e o florescer da poesia

32
0
SHARE

E A ARTE SEMPRE ENCONTRA NOVOS CAMINHOS PARA FLORESCER

Com a proposta de unir e reunir os amantes da poesia, a coletânea Parnaso Poético surgiu como mais um espaço físico para agregar os artistas da palavra e suas produções. Porém, mais que um livro que congregue vários escritores, a ideia foi de que todos os participantes pudessem disseminar conhecimento, divulgando o trabalho realizado pelos demais, possibilitando que a antologia se torne fonte de inspiração e boas ideias para todos que trilham ou queiram trilhar o caminho da arte poética.

Nos utilizamos, para desenvolver esse trabalho, da ideia de Parnaso enquanto Antologia e da alegoria do Parnaso enquanto templo das nove Deusas da inspiração e morada dos poetas. As nove filhas de Mnemósine – “Memória”, nos remetem aos primórdios das artes, em que uma das matérias-primas do homem era a palavra personificada por poetas, bardos, menestréis, contadores e cantadores por meio da poesia escrita, cantada, contada ou declamada.

Desejamos que esse livro seja o templo da palavra, tornando-se um espaço de cultivo e preservação da arte das letras, nos abrindo todo o leque de possibilidades que a palavra nos traz.

Aos que embarcaram conosco nessa viagem, nosso muito obrigada! Que o Parnaso nos traga muitas alegrias e bons frutos!!! O ponto de partida foi o amor pela palavra, o ponto de chegada será construído por cada um de nós e por todos nós juntos.

 

Silvia
        Osmarosman Aedo e Silvana Mello organizaram a Antologia “Parnaso Poético”

 

O primeiro lançamento da antologia será realizado junto ao Sarau Parnaso no dia 15.07 (sábado) das 15h às 20h, no Teatro Universitário de Curitiba – TUC, localizado na Galeria Júlio Moreira, no Largo da Ordem. O segundo lançamento será no dia 16.07 (domingo), das 9h às 14h na Feira do Poeta, ao lado da Casa Romário Martins, também no Largo da Ordem.

56 participantes, 112 textos:
Anderson Lara, Andrea Oliveira Seixas, Angel Popovitz, Antonio Bezerra, Arian de Avalon, Arthur Virmond de Lacerda Neto, Batista de Pilar, Candiero e Melissa, Carla Ramos, Cida Varela, Daniel Maurício, Decio Romano, Delores Pires, Desirée Veloso, Di Magalhães, Douglas Berto Gattiboni, Elciana Goedert, Élio Santos, Enio Oliveira, Fran Maeve, Geraldo Magela, Gilka Correia, Goretti Bussolo, Igor Veiga, Igor Vitorino da Silva, Iracema Alvarenga Gomes, Isabel Sprenger Ribas, Janaina C. Fanderuff, Jefferson Dieckmann, Jorge Luiz Aquino, José Dominggos, Kojima Kyl, Laura Monte Serrat, Luis Carlos Brizola, Luís Ronconi, Luiza Cantanhêde, Madalena Ferrante Pizzatto, Marcia Kwiatkowski, Márcia da Costa Larangeira, Marco Pasquini, Marilis Assis, Marta Paes, Mhario Lincoln, Nair Carvalho, Paulo Vallim, Regina Bostulin, Rita Delamari, Rosa Leme, Sandra Raposa, Silvana Mello, Siomara Reis Teixeira, Thiago Juraski, Ubaldo Santos de Jesus, Van Zimerman, Verônica Noblat, Zetti Nunes.

Prefácio: Olinto Simões
Orelhas do livro: Isabel Furini e Isabel Sprenger Ribas
Foto Capa: Helvécio Cardoso Jr.
Organizadores: Osmarosman Aedo e Silvana Mello

Texto de Silvana Mello – Recebido pelo e-mail para publicação

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here